Compartilhe onde você ama!

4.5/5 - (16 votes)

No Brasil, o e-commerce irá aumentar a sua atuação no varejo privado brasileiro até 2021 e crescer, em média, 12,4% ao ano.

As estatísticas foram feitas pelo instituto forrester em um projeto solicitado pelo Google para analisar o crescimento do comércio eletrônico no Brasil.

Segundo a avaliação, atualmente a renda da área está em R$ 47,1 bilhões, e ele tem 2,8% de atividade no varejo, incluindo alimentos e bebidas (R$ 46,3 bilhões excluindo os dois segmentos).

Gráfico E-commerce no Brasil

O Google projeta que o valor deve chegar a R$ 84,7 bilhões em 2021 e obter 4,6% do mercado (R$ 82,9 bilhões e 9,5% do mercado sem contar alimentos e bebibas). Isso equivale a um crescimento de, em média, 12,4% ao ano, voltando a acelerar já em 2017.

De acordo com a pesquisa, grande parte desta performance positiva acontecerá por conta do diferenciado tipo de compra, que hoje é liderado, especialmente, por livros e materiais eletrônicos, que equivaliam, até 2010, em 65% das compras onlines, segundo a pesquisa.

Algumas áreas que ainda estão em progresso no e-commerce, como roupas, calçados, beleza e produtos alimentícios,se tornarão mais procuradas por consumidores a partir do próximo ano.

O Google projeta que em 2018, aproximadamente uma a cada quatro vendas na internet será de uma destas áreas. Atualmente, estas áreas representam 11% das compras.

Aparelhos eletrônicos e livros seguirão em primeiro lugar, mas só representariam algo próximo a 52% da quantidade de transações. Desta maneira, o Brasil terá grandes oportunidades de sair do que Google chama de ”Terceira fase” do E-commerce.

Gráfico E-commerce 2018

Na qual produtos compráveis, como itens de mídia, equipamentos eletrônicos e livros, são os mais vendidos. A quarta fase, será a de compras frequente de produtos subjetivos (alimentação e beleza, por exemplo).

Internet superlotada

Segundo a pesquisa, o desenvolvimento do e-commerce nacional aconterá em consequência do crescimento de usuários de internet no brasil. Atualmente, aproximadamente 124 milhões de pessoas estão conectadas à internet, isto é, 60% da população.

Esta quantidade irá aumentar até 2021, o número alcançará 151 milhões de pessoas conectadas, chegando a 71% do país. Dessa forma, a afaixa etária mais direcionada a fazer compras online no futuro, será de 25 a 44 anos, ou seja, quem atualmente tem entre 20 a 39 anos.

Precisando de um profissional para criar uma Loja Virtual?

SOLICITE UM ORÇAMENTO AGORA!

Formulário para orçamento Site Resumido
Enviando

Compartilhe onde você ama!

últimos posts

FALE CONOSCO

Entre em contato agora mesmo com uns de nossos especialistas! E tire todas suas dúvidas!

DEPOIMENTOS

CRIAÇÃO DE SITES

Construção de Sites para Empresas
Criação de Sites para Escolas
Criação de Sites para Cursos Técnicos
Web Design Rio de Janeiro
Desenvolvimento de Sites para Clínicas
Sites para Engenheiros
Criação de Sites Responsivos
Criação de Sites RJ
Criacao de Sites em Wordpress
Criação de Sites Campo Grande Rj
Criação de Site Gerenciável
Desenvolvimento de Sites para Corretores
Produção de Sites para Salões de Beleza
Criação de Sites Rio de Janeiro
Criação de Sites para Hospedagem de Sites
Criação de Sites Barra da Tijuca
Criação de Sites em Campo Grande RJ
Empresa de Criação de Sites
Sites para Advogados
Lojas Virtuais
Web Designer
Criação de Sites Recreio dos Bandeirantes
Desenvolvimento de Sites
Web Designer Freelancer
Web Designer Freelancer RJ
Manutenção de Site
Web Design RJ
7 MOTIVOS PARA ABRIR UMA LOJA VIRTUAL